Novo Pes 2014 é realista e divertido

Ago 16 • Desporto, Tecnologia • 866 Views • Sem comentários em Novo Pes 2014 é realista e divertido

Com previsão de lançamento para o dia 24 de setembro, o game Pro Evolution Soccer 2014 teve uma sessão de teste fechada para a imprensa nesta quinta-feira. De acordo com a equipe responsável pela divulgação do jogo, a versão analisada corresponde a 75% da mecânica final das partidas. Os jogos poderão conferir a demo oficial no final de agosto.

Durante as duas horas disponibilizadas para a demonstração, foi possível disputar confrontos com as seleções de Alemanha e Itália, além dos clubes Bayern de Munique e Santos. Desde o primeiro toque de bola, a impressão inicial foi a melhor possível: o game está ainda mais bonito e divertido do que a versão 2013 e promete travar uma boa concorrência com o novo FIFA.
Falando da parte gráfica, as faces dos jogadores estão com linhas mais suavizadas do que aquelas apresentadas em algumas imagens de divulgação e se aproximam bastante de seus correspondentes da vida real. O cuidado da Konami se estendeu a atletas menos conhecidos do público mundial: o rosto do zagueiro santista Durval, por exemplo, está bem realista.

Durante as disputas futebolísticas, os gráficos continuam surpreendendo: durante os replays de alguns lances, é possível ver como a luminosidade incide sobre a jogada, o que contribui para a imersão do jogador. Os elementos externos à partida, como torcida e fotógrafos também ganharam um tratamento cuidadoso e estão mais bem detalhados, embora não fiquem perfeitos quando vistos de perto.

Potência visual à parte, é hora de destacar a jogabilidade de Pro Evolution Soccer 2014. Os fãs da franquia continuarão satisfeitos com a diversão proporcionada e deverão aproveitar algumas melhorias realizadas, como jogadas mais dinâmicas e cadenciadas, diminuindo a sensação de que o game era “lento”.

Quem costuma criticar a série PES por conta da “falta de realidade” das partidas, deverá se surpreender em alguns pontos. Durante alguns confrontos, foi possível construir jogadas bonitas, com dribles, trocas de passes e chutes colocados, mas que não comprometeram com o andamento do jogo.

Em um lance, por exemplo, um atacante enganou o zagueiro com um drible de corpo e realizou um cruzamento, movimento comum no futebol, mas que dificilmente consegue ser bem reproduzido nos games. Outro exemplo de realismo aconteceu quando o centroavante recebeu a bola na área, dominou com um pé e chutou de primeira para o gol com o outro. Pontos positivos para a Konami.

Os goleiros, que costumavam falhar em lances bisonhos nas últimas edições, ainda não estão perfeitos, mas já transmitem mais segurança aos jogadores. Mesmo assim, os movimentos pecam no realismo: algumas defesas não saem de maneira tão “natural” quanto deveriam.

Ainda assim, as jogadas são interessantes de ser construídas, os gols nascem com naturalidade e, para quem gosta de jogar “futebol de verdade”, não faltarão oportunidades de realizar lances parecidos com os da vida real. Caso a defesa adversária esteja desarrumada, por exemplo, é possível realizar lançamentos longos ou fazer passes em profundidade de um jeito semelhante às jogadas feitas nas canchas.

Em uma primeira avaliação, Pro Evolution Soccer 2014 se saiu muito bem e tem tudo para alcançar um mercado interessante de novos fãs. Isso, é claro, se a série FIFA também não mostrar uma série de inovações interessantes capazes de deixar os apaixonados por futebol de queixo caído…

http://info.abril.com.br/

Artigo relacionado

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

« »