Governo suspende comercialização de arroz

Jun 24 • Política, STP • 861 Views • 2 comentários em Governo suspende comercialização de arroz

É uma suspensão temporária, após diversas manifestações de insatisfação quanto a qualidade do produto, importado pela firma do deputado e vice presidente do PCD Delfim Neves. O governo tomou a decisão num conselho de ministros extraordinário no último fim de semana, mas pede ao povo que esteja vigilante quanto a possíveis proveitos políticos que possam ser tirados da situação.

Após diversas manifestações contra a qualidade do arroz importado dos Camarões, pela firma D. S. Neves,lda do deputado e vice presidente do PCD no poder, Delfim Neves e que inclusive já motivou uma queixa-crime por parte da oposição, o governo mandou suspender temporariamente a sua comercialização.

Suspender temporariamente a comercialização do arroz importado pelo Estado, até a conclusão do resultado da análise mandada efectuar no exterior do país por laboratórios devidamente qualificados e com garantia de imparcialidade”, decidiu o Conselho de Ministros.

A decisão do conselho de ministros extraordinário realizado no último fim de semana, surge depois das análises efetuadas no país terem dado como inconclusivas. Mas segundo o governo, não foi suficiente para acalmar os ânimos.

A análise laboratorial efectuada pelo CIAT, apesar de não ser conclusiva quanto a sua nocividade para a saúde pública, tem sido utilizada de forma imprópria para mobilizar a opinião pública contra o Governo”, garantiu o porta-voz do governo Jorge Bom Jesus.

O arroz polémico, fica agora suspenso do mercado até a chegada de novos resultados,  mas o governo chama a atenção da população para possíveis proveitos políticos que possam  ser tirado da situação.

Segundo notícias avançada pela RDP África, a polémica do arroz impróprio para o consumo é uma das causas da queda da diretora nacional dos cuidados primários de saúde, demitida na última semana pelo governo.

A saber ainda, num futuro próximo, são os resultados da ação judicial movida pela oposição e quais as sanções a serem aplicadas ao importador ou aos importadores, caso os resultados confirmem a má qualidade do produto para o consumo, já que agora o governo assume o arroz como tendo sido importado pelo estado.

Brany Cunha Lisboa

Artigo relacionado

2 Responses to Governo suspende comercialização de arroz

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

« »